TRT abre seleção de estagiários para Rondônia

Cidades | 06 de Agosto de 2018

Estão abertas as inscrições para mais um processo seletivo para estagiários na Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre. O edital nº 02/2018 foi publicado pelo Tribunal Regional do Trabalho da 14ª Região (TRT14) no último dia 30 e oferece oportunidades para estudantes dos cursos de Direito e Comunicação Social/Jornalismo.

 

As inscrições devem ser realizadas até às 23h59min (horário de Brasília) do dia 16 de agosto, pelo site http://www.ciderh.org.br. A data, horário e local da aplicação das provas serão divulgados no dia 20 de agosto de 2018. O estagiário contratado fará jus à bolsa auxílio no valor de R$ 1.050,00 mensal, mais auxílio transporte e seguro de vida coletivo.

 

As vagas disponíveis são para preenchimento de cadastro de reserva. Para Porto Velho, são oferecidas vagas somente para os candidatos da área de Comunicação Social/Jornalismo.

 

Já para o curso de Direito, as vagas que surgirem servirão para atender os municípios rondonienses de Buritis, Cacoal, Colorado D'Oeste, Guajará-Mirim, Machadinho D'Oeste, São Miguel do Guaporé, Vilhena e Ouro Preto do Oeste, bem como o município de Plácido de Castro, no Acre. Das vagas ofertadas, 10% serão reservadas aos candidatos que se declararem pessoa com deficiência.

 

De acordo com a Secretaria de Gestão de Pessoas do TRT14, o Programa de Estágio da Justiça do Trabalho de Rondônia e Acre tem o objetivo de gerar aprendizado de competências da atividade profissional estudada, além de pôr em prática os ensinamentos aprendidos em sala de aula.

 

As provas e gabaritos provisórios serão divulgados no dia 6 de setembro de 2018, bem como a lista com a ordem decrescente de classificação das notas obtidas, por localidade, que serão divulgados no site do CIDE.

 

Autor: www.rul.com.br


Acidente fatal - Máquina tomba e operador infelizmente não sobrevive

Facebook

©Copyright 2018 - Todos direitos reservados a Rondônia Geral

O site não se responsabiliza por conceitos emitidos nos artigos e nas colunas assinadas e também pelo conteúdo dos anúcios de terceiros.